Mudança para o sinal digital


Confira se o seu condomínio está preparado para o novo sinal

No dia 31 de janeiro o sinal analógico da TV será desligado em Curitiba e região metropolitana, conforme calendário da Anatel, a Agência Nacional de Telecomunicações. Essa transição está acontecendo desde abril de 2015. O esperado é que até o final do ano todo o país esteja recebendo apenas o sinal digital.

Para evitar que os moradores do seu condomínio fiquem sem sinal de TV aberta em casa, o que não seria um cenário positivo para terminar o mês de janeiro, a Seja Digital, EAD - Entidade Administradora de Processo de Redistribuição e Digitalização de Canais TV e RTV, traz o que você precisa saber para se adiantar quanto a isso, evitando problemas de sinal no seu condomínio.

Verifique a antena coletiva

A antena coletiva é um dos elementos que compõe o sistema de distribuição de sinal em um condomínio. O síndico, ou o zelador, deve checar também o sistema de distribuição e a prumada. A antena coletiva é fundamental em condomínios em que moradores não assinem TV a cabo, pois é a partir dessa antena que chega o sinal para os condôminos. Como o trabalho pode pedir conhecimentos específicos, o ideal é chamar um antenista para fazer a avaliação do sistema. Caso a antena não seja compatível com o sinal digital, quem depende dela para assistir TV pode ficar sem sinal depois do dia 31.

Alerte sobre os aparelhos de TV

Mesmo que a antena seja UHF e esteja instalada corretamente, o aparelho de TV também precisa estar preparado. Televisores de tubo ou de tela plana fabricados até 2010 só recebem o sinal analógico e, por isso, precisam de um conversor de sinal, que pode ser adquirido em lojas de eletrônicos. As TVs mais novas, Slims, Smarts, já estão preparadas.

Oriente sobre a busca de canais

Se tudo estiver certo com a antena e com a TV, é hora de fazer a busca de canais. O processo é simples: deve-se acessar no menu, por meio do controle remoto da TV ou do conversor (quando houver), a opção que mais se assemelhar à “busca automática de canais” e seguir o passo-a-passo indicado. No caso de dúvidas, o manual da TV deve ser consultado.

O sinal analógico da TV está sendo desligado no país para liberar a faixa de 700 Mhz para ser usada pela internet 4G, melhorando assim, a qualidade do serviço de internet usado em smartphones, tablets, laptops, etc.

Com o sinal digital sua TV funcionará melhor, com menos ruídos, chiados e interferências e com qualidade de imagem superior.

Fonte: Sindiconet